Leituras sobre Lacan Vol. 2 - Litorais do patológico
Passe o mouse e veja a foto com o zoom

Leituras sobre Lacan Vol. 2 - Litorais do patológico

Autor: CHRISTIAN INGO LENZ DUNKER
Avalie este Livro:

No volume 2 da Coleção Leituras sobre Lacan, “Litorais do Patológico” , Christian Ingo Lenz Dunker dará continuidade aos desenvolvimentos teóricos do Seminário XVIII - De um discurso que não fosse do semblante (1971); entretanto, somente agora é possível apreender com clareza a profundidade da pesquisa. Para muito além de uma exploração das bases epistêmicas do ensino, destina-se à construção de uma inédita interpretação de leitura sobre a razão diagnóstica da obra lacaniana

Selecione qual opção deseja:
Preço: 36

R$ 36,00 à vista

em 3x de R$ 12,00

Total a Prazo:R$ 36,00

Loja 100% Segura

Calcule o valor do frete e o prazo de entrega

Não sei meu CEP
  • Tipo: Livro
  • Título: LEITURAS SOBRE LACAN VOL. 2 - LITORAIS DO PATOLÓGICO | NVERSOS
  • Autor: CHRISTIAN INGO LENZ DUNKER
  • Editora(s): NVERSOS EDITORA
  • ISBN: 9788554862015
  • Área: PSICOLOGIA E PSICANÁLISE
  • Idioma: Português
  • Procedência: BRASIL
  • Data de Lançamento: 01/2018
  • Número de Páginas: 144
  • Tamanho: 14,00 X 1,00 X 21,00
  • Edição: 1ª EDIÇÃO
  • ISE: N
A obra extraí dos textos de Jacques Lacan os elementos conceituais que atestam o fracasso do modelo das estruturas clínicas, para pensar quadros clínicos que envolvam maior complexidade. Ao possuir uma lógica exclusivamente binária (baseada na foraclusão ou inscrição do Nome-do-Pai), o modelo clássico revela-se insuficiente para abarcar e tratar condições subjetivas paradoxais, tais como os quadros borderline – até então, sistematicamente excluídos do exame lacaniano contemporâneo –, e a desconstrução de saberes assumidos como inabaláveis da clínica da histeria, que aborda a alta demanda dos homens pelas cirurgias de redesignação sexual dos transgêneros.
Apresentação: Seminário sobre a Obra de Jacques Lacan: Antecedentes e Consequentes Prefácio: Litorais do patológico
1. Patologias da Narrativa e o Tratamento Discursivo da Sexuação
1.1 Pressupostos da Razão Diagnóstica e uma Psicopatologia Não-Toda
1.2 A Carta Roubada e a Suspensão do Ato
1.3 O Segredo dos teus Olhos e a distinção entre Letra e Significante
2. A função da língua e da literatura oriental na obra de Lacan
2.1 A Psicanálise, o Oriente e nós, os Modernos
2.2 O Oriente, a Escrita e a Carta-Letra
2.3 Lacan com Joyce
2.4 A Escrita chinesa
3. A letra não é o significante: demonstração pela linha de borda (Borderline)
3.1 Uma resistência
3.2 Significante e Letra: interpretação e leitura
3.3 O semblante corrompido
3.4 Curva de Jordan, Letra e Linha de Borda: wespe ou espe?
4. Por que não-toda mulher é histérica?
4.1 Não-toda mulher é histérica
4.2 O Oriente e a Experiência do Vazio
4.3 As quatro formas de Histeria
5. Cultura Pós-Moderna e Histeria Masculina
5.1 Queda das Grandes Narrativas
5.2 A Sexuação e a Contingência
5.3 O Encurtamento das Narrativas e a Questão da Verdade
6. O falo e o objeto a: dos Discursos à Sexuação
6.1 As Histerias e Anna O
6.2 A Histeria e Neurose de Caráter
6.3 Medeia: uma mãe diferente
7. A metáfora paterna e a metonímia dos semblantes: patologias da evitação da narrativa
7.1 Édipo e Totem e Tabu
7.2 Magia, Religião, Teatro e Ciência: posições da verdade
7.3 Psicanálise, Ética e Direito: Rousseau ou Hobbes?
Referências
CHRISTIAN INGO LENZ DUNKER
Nenhuma opinião informada sobre o produto.

Produtos Visitados

- Limpar Histórico
False
?